Blog

Como trabalhar na Itália: visto, salários, custo de vida e mais

06 Mai 2021 - Categoria: Blog /
como trabalhar na Italia

Não é de se surpreender que você tenha interesse em saber como trabalhar na Itália.

Afinal, esse país europeu tem tudo para chamar a atenção dos brasileiros e também de várias outras pessoas pelo mundo que decidem mudar de país.

Vamos esclarecer suas dúvidas de como pedir o seu visto, quais são os salários médios na Itália e qual é o custo de vida no país.

Quer saber mais? Então, acompanhe!

Resumo

Como trabalhar na Itália: primeiros passos

O mais importante a se fazer assim que estiver decidido a morar e trabalhar na Itália, é aprender a língua local.

Principalmente se tratando de emprego, visto que a comunicação é uma chave essencial para qualquer tipo de trabalho.

Então, vale a pena investir em um curso de italiano, e também de inglês, que é super importante, antes de se mudar de vez para a Europa.

O segundo passo é garantir todos os documentos necessários para você viajar tranquilamente e realizar a sua mudança.

Se não sabe quais são esses documentos, fique tranquilo. Iremos falar sobre isso também!

Melhores cidades para morar e trabalhar na Itália

Um dos assuntos mais pesquisados por quem deseja mudar de país é qual a melhor cidade para se morar e trabalhar.

De fato, essa é uma das coisas mais importantes a se saber, já que é necessário ter certeza de que estará se mudando para o lugar ideal para você, assim evitando possíveis frustrações.

A melhor cidade para morar na Itália é aquela que melhor se encaixa no seu perfil, dependendo unicamente do estilo de vida que você deseja ter.

Para decidir qual a cidade que mais combina com você, é necessário se atentar cuidadosamente aos detalhes que ela apresenta.

Isto é: qualidade de vida da população, índice de emprego, salário médio pago ao trabalhador, qualidade dos serviços públicos e outros.

Para te ajudar, vamos listar aqui quais as cidades que apresentam esses índices da melhor forma, são elas:

  • Bolzano
  • Roma
  • Turim
  • Trento
  • Aosta
  • Milão
  • Brescia

Empregos com alta demanda no país

Veja quais são as áreas de trabalho com maior carência no país, ou seja, onde de concentra um maior número de oportunidades:

  • 1. Padeiro: no país onde as massas possuem grande espaço na culinária, uma das profissões mais procuradas é a de padeiro. Na Itália, um bom padeiro pode ser muito bem remunerado - ganhando cerca de 1500 a 2500 euros mensais - apesar de na maioria das vezes exigir que você fique uma madrugada inteira trabalhando
  • 2. Profissional de TI: na Itália, e em muitos outros países, esses profissionais são muito procurados. Com o crescimento da tecnologia nas empresas e o uso de meios digitais, o profissional de TI faz muita falta em diferentes ramos, visto que é bem difícil encontrar bons profissionais. O salário de um Técnico em Informática iniciante é de cerca de 30 mil euros por ano.
  • 3. Esteticista: a Itália é o sétimo país do mundo onde as pessoas mais gastam dinheiro com produtos de beleza. Então, um esteticista pode ganhar muito bem trabalhando em um salão de beleza ou realizando procedimentos estéticos para grandes eventos, como um casamento. Uma noiva italiana pode pagar até 500 euros para ficar arrumada.
  • 4. Cozinheiro: a Itália é uma grande referência na culinária mundial. Apesar de famoso por ser o lar das pizzas e das massas, o país possui uma grande variedade de restaurantes reconhecidos pela boa qualidade. Um cozinheiro experiente e que realiza um bom trabalho pode ganhar muito bem por lá. O salário desse profissional, inicialmente, é cerca de 1200 a 1300 euros, valor que pode variar de acordo com a região. Já um Chef de cozinha pode ganhar até 4000 euros por mês.
  • 5.

    Encanador: o profissional não possui um dos mais chamativos salários do mercado, mas não deixa de ganhar bem. Pela dificuldade que se tem de encontrar bons profissionais e pela pequena quantidade deles, o que não falta é trabalho para um encanador. Quem mora na Itália sabe o tempo necessário para conseguir um profissional desse tipo.

Sites para procurar emprego

Atualmente, sem dúvidas, a melhor forma de procurar por um emprego em qualquer lugar do mundo são os sites online. Quer saber como trabalhar na Itália? Comece garantindo uma vaga de trabalho através de um destes sites:

Os documentos necessários para trabalhar na Itália

Se você quer morar na Itália, saiba que alguns documentos são essenciais para isso, e sem alguns deles você não pode trabalhar no país.

Esses documentos devem apresentar ao governo italiano o que você pretende fazer ao estar se mudando para o país.

Ou seja, se você está indo para estudar, consequentemente irá precisar de um Visto de Estudos. Já para trabalhar, o visto necessário é o de trabalho. Cada um deles necessita de tipos específicos de documentos.

Para quem deseja estudar na Itália é necessário apresentar o documento de matrícula da faculdade.

Já quem vai por emprego precisa ter em mãos o contrato do trabalho que irá exercer.

Os documentos que devem ser apresentados em ambos os casos são:

  • Permesso di Soggiorno (Permissão de Residência). Esse você só consegue na Itália, e deve ser solicitado em até 8 dias. Você pode fazer a sua em uma Poste Italiane, que funciona na Itália como os Correios aqui no Brasil.
  • Passaporte válido
  • Foto 3x4 recente
  • Documentos de comprovação do pedido do visto
  • Comprovação financeira
  • Comprovação de hospedagem

É claro que, se você tem cidadania italiana, todo esse processo pode ser feito sem tanta burocracia.

Você pode fazer o reconhecimento da sua cidadania desde o Brasil, comparecendo no consulado da Itália no país.

O problema é que, no Brasil, o processo é bem mais lento do que no país europeu.

Como conseguir o visto de trabalho para trabalhar na Itália

Ao falar de trabalho em outro país, uma das maiores preocupações de quem está querendo saber mais sobre o assunto é o visto.

Há três tipos de visto para quem quer trabalhar na Itália, são:

  • Subordinato: é concedido por vínculo empregatício.
  • Autonomo: serve para os sócios de empresas e profissionais autônomos ou liberais.
  • Stagionale: serve, especificamente, para o trabalho sazonal.

Você pode fazer o pedido do seu visto no Consulado da Itália no Brasil, mas, para isso, você precisa ter uma proposta de emprego no país.

Como enviar dinheiro para a Itália

Enviar dinheiro para o exterior nunca foi tão prático e seguro.

Com a Small World você pode enviar dinheiro para a Itália com facilidade, garantindo que o seu dinheiro chegue rápido e em segurança na Europa.

Saiba mais!

Usamos cookies e outras ferramentas de análise que nos ajudam a entender como você usa nossa página e com isso criar uma experiência mais adaptada para nossos usuários. Ao selecionar "Aceitar", você esta de acordo com o uso de cookies. Mais informação.